quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Desencontro por acaso



Se não fossem as diferenças,
se não fossem os mares,
se não existissem línguas
e tudo ficasse perto
e fosse apenas uma palavra...

Se minha vez fosse em tua era
e se o houvesse não passasse
e o que não trocasse fosse apenas tez,
para sempre assim jovem em nós...

Se o dia permanecesse,
se o tempo não se desse
e você me encontrasse
e a coragem não cedesse...

Se o meu passo fosse encontro,
se meu peso te carregasse
e o ar descobrisse formas
e o que há não dominasse,
se não fosse, então, a vida...
.
.
.

Um comentário:

  1. Que bom que você gostou, gostei muito daqui também.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...